consumidor

Resposta do consumidor perante a falta de mercadorias na Gôndola

O consumidor hoje em dia está exigente e implacável em relação a suas compras. Ir até a loja para comprar um produto e não o encontrar gera frustração, o que é prejudicial para todos os envolvidos, o fabricante, o varejista e o próprio consumidor.

Apesar de haver novas tecnologias e tendências que acabam gerando a migração das compras para o comércio virtual, a disponibilidade de produtos em lojas físicas ainda é de extrema importância e deve ser o foco dos varejistas.

O custo desse problema ainda é difícil de mensurar, porque depende da reação de cada consumidor perante a ruptura, porém Gruen, Corsten e Bharadwaj (2002) fizeram um estudo que buscou medir a resposta do consumidor perante a falta de mercadoria da gôndola:

Foi constatado que em 63% dos casos, o varejista e o fabricante acabam sofrendo consequências graves, porque o consumidor pode ter desistido da compra, procurado em outra loja (perda de venda) ou feito a substituição do item por outra marca; em apenas 37% dos casos o varejista não sofre consequências imediatas, caso o consumidor tenha adiado a compra ou substituído o item pela mesma marca.

Porém independente da reação do consumidor, todos podem imaginar os efeitos negativos que esse problema pode gerar a médio e longo prazo.

A Indikatore surgiu para ajudar os varejistas e os fabricantes a não sofrerem desse mal, nós cuidamos de toda gestão da cadeia de abastecimento e demanda, compras, reposição de mercadorias e gestão de estoques.

Oferecemos tecnologia de ponta para comprar e abastecer lojas com máxima segurança e assertividade.

2 comentários em “Resposta do consumidor perante a falta de mercadorias na Gôndola”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *